sábado, 11 de abril de 2009

BOMBA: Mais uma revelação “apostólica”

por Ciro Sanches Zibordi

Lembra-se da profecia de uma certa “apóstola”, de que a Segunda Vinda de Jesus aconteceria num sábado de 2007? Recorda-se do show apoteótico, realizado em 07/07/07, no Rio de Janeiro? Muitos esperavam que a profecia da tal “apóstola” fosse se cumprir exatamente naquele dia...

Quando a Palavra de Deus deixa de ser lâmpada para os pés e luz para o caminho (Sl 119.105), o povo começa a supervalorizar revelações, e tudo se torna “profético”. É esse o estado das igrejas que se julgam “apostólicas”, que dizem viver numa era “apostólica”, cujos líderes apreciam o título de “apóstolo”, ignorando que o apostolado é um ministério que Deus soberanamente dá à sua Igreja, e não um título do qual alguém presunçosamente se apropria (1 Co 12.28; Ef 4.11).

No portal de uma famosa igreja de Belo Horizonte, Minas Gerais, há uma publicação, datada de 31/12/2008, pela qual certo “apóstolo” apresenta uma revelação que ele pensa ter recebido de Deus, sob o título “O Ano da Ressurreição”. Ele fala, fala, fala... mas em nenhum momento diz que o povo de Deus precisa se voltar para o estudo da Bíblia, a Palavra de Senhor. A “inédita” e “bombástica” revelação gira em torno principalmente de prosperidade material e outras coisas que satisfazem o ser humano.

Segundo esse “apóstolo”, os ministérios “apostólicos” que estavam caídos entrariam, em 2009, numa fase de restauração total. Mas o que vimos no início desse ano foi que um grande ministério “apostólico” paulistano, que já vinha sofrendo perseguição da mídia por causa dos graves pecados de seus líderes — os quais, além de pregarem a falaciosa teologia da prosperidade, cometeram crimes como evasão de divisas —, recebeu um duro golpe: o teto de sua sede desabou, pessoas morreram e a desmoralização do ministério se agravou ainda mais...

Outra parte da revelação do “apóstolo”, constante do site da famosa igreja belo-horizontina, faz menção à “ressurreição de sonhos de Deus que estavam esquecidos e até mortos”. Ele estimula todos a “sonharem grande” em 2009. Veja como agem esses “apóstolos”: aderem ao modismo triunfalista de “sonhar de olhos abertos”, seguindo a conceitos de autoajuda, e depois vêm dizer que isso é uma revelação de Deus! Ora, a vontade do Senhor está acima dos nossos “sonhos” ou projetos, por maiores que sejam! Paulo “sonhou grande” quando quis pregar na Ásia e na Bitínia. Davi “sonhou grande” quando quis construir o templo. Mas nem este nem aquele “sonho” estavam de acordo com a vontade de Deus (At 16.6-10; 2 Sm 7; Pv 16.1; Jr 17.9).

O “apóstolo” profetizou também que o poder de ressurreição traria a realização de milagres criativos em 2009. Bem, isso não é nenhuma novidade, pois os tais “milagres criativos” já vêm acontecendo há algum tempo no meio do povo de Deus... De fato, há muitos milagreiros que se valem de sua criatividade para enganar pessoas, como temos mostrado neste blog.

Outra profecia “bombástica” do “apóstolo”. Segundo ele, recursos financeiros serão sobrenaturalmente transferidos para a igreja e o jugo do espírito de pobreza e da morte financeira será quebrado em 2009. Ele também disse que os “apóstolos de mercado” emergiriam e seriam reconhecidos na Igreja e trariam estratégias para a transferência de riqueza...

Meu Deus! Até quando parte do seu povo será enganada por essa falaciosa teologia da prosperidade? Hoje, além das igreja$ e telepregadore$ cuja motivação principal é o dinheiro (2 Pe 2.1-3; 2 Co 2.17), temos o Dr. M.M., o homem mais $ábio do mundo, cujas mensagens triunfalistas, de autoajuda, são recebidas no celular por “apenas” R$ 0,10! Será que precisamos de mais apó$tolo$ e$peciali$ta$ em arrancar o dinheiro do povo de Deus?

Bem, o “apóstolo” prossegue com a sua revelação “bombástica” afirmando que todo aquele que entrar em “pacto financeiro” com Deus receberá as “chaves financeiras” que abrirão as comportas dos céus neste novo ano. E a “chave” que liberará a prosperidade se chama fidelidade. Oh, que estratégia interessante! É claro que “fidelidade” aqui implica dar dinheiro às igrejas “apostólicas” e seus “apóstolos”...

Mas não é só isso! O tal “apóstolo” afirmou também que haverá operação sobrenatural dos “anjos financeiros”, que trarão vitórias sobre as dívidas. Anjos financeiros? Meu Senhor, abra os olhos desse povo! Não permita, meu Pai, que servos fiéis a ti sejam enganados por esses falsos apóstolos, que não querem andar segundo a tua Palavra! Não foi por acaso que o apóstolo Paulo — esse sim um apóstolo chamado por Deus — alertou acerca do “culto aos anjos” e como eles seriam usados para enganar os incautos (Cl 2.18; Gl 1.6-12).

O “apóstolo” prossegue, afirmando que evangelistas alcançarão milhões de pessoas por meio da Internet e da TV. Evangelistas ou triunfalistas? Podemos chamar de evangelistas os propagadores do evangelho da prosperidade e da confissão positiva? Estes realmente têm se multiplicado, mas a pregação evangelística a cada dia desaparece... São poucos os programas ditos evangélicos que pregam o evangelho de salvação. A maioria dos chamados televangelistas só fala de prosperidade, vitória financeira, etc.

Mas o tal “apóstolo”, em sua revelação “bombástica”, ainda profetizou que cadeias de televisão seculares abririam as portas para programas cristãos e que também muitas delas quebrariam financeiramente, sendo transferidas para igreja, em 2009. Segundo ele, prefeitos e governadores entregarão as “chaves de cidades e Estados” para Jesus...

Interessante que, em um grande evento, realizado no Maracanã, há alguns anos, uma “profetisa” da mesma igreja belo-horizontina profetizou que os teatros receberiam peças evangélicas, e que as TVs brasileiras apresentariam novelas evangélicas, etc. Por enquanto, depois dessa profecia, o que aconteceu, na verdade, foi que a grande emissora “evangélica” do Brasil passou a exibir novelas piores do que as da grande líder de audiência.

Outra parte da revelação “divina” do tal “apóstolo” menciona a “dança profética”, que, segundo ele, liberará sobre a Igreja o espírito da Noiva... Disse ele, ainda, que os céus se abrirão a partir da “dança profética” e de uma nova paixão que se acenderá em nossos corações. Meu Deus! Eu pensava que o Espírito Santo vinha sobre a Igreja mediante a pregação e o ensino da Palavra, posto que esta é a espada do Espírito, e o louvor (Ef 6.17; 1 Co 14.26). Mas chama-me a atenção o fato de tudo ser profético nessas igrejas “apostólicas”... Que tal jiu-jitsu profético, já que esse tipo de esporte (esporte?) já ocorre em um templo (templo?) de uma igreja (igreja?) “apostólica” paulistana?

O tal “apóstolo”, finalmente, ao afirmar que 2009 será “o ano da ressurreição”, valeu-se de um texto bíblico completamente fora de contexto. Segundo ele, o Espírito do Senhor lhe mostrou a operação dos “4 ventos” sobre as nações da Terra, assim como no livro do profeta Ezequiel, por meio da qual o poder de ressurreição seria liberado sobre a Terra para levantar o maior exército de homens e mulheres que levantarão a bandeira do Reino de Deus. Bem, ele se refere à profecia de Ezequiel 37, que nada tem que ver com a Igreja! Ali se menciona uma profecia específica acerca do ressurgimento de Israel como nação e a sua restauração espiritual. Nesse caso, até o embasamento “bíblico” para a revelação “bombástica” do tal “apóstolo” é forçado...

Que Deus abra os olhos dos seguidores desses “excelentes apóstolos”, a fim de que não se apartem da simplicidade que há em Cristo (2 Co 11.3-15).


Fonte: Blog do Ciro

Sobre o autor

Pr. Ciro Sanches Zibordi nasceu em São Paulo, capital, em 16 de março de 1970. Filho de Célia Sanches Zibordi e Renato Zibordi, servos do Senhor Jesus. Casado com Luciana, tem uma filha, Júlia.

4 comentários:

Newton Carpintero, pr. disse...

Prezamados,

A Paz do Senhor!

Como a matéria do nosso pr. Ciro, considerado por mim, um Atalaia ou a Trombeta de Deus. Devo agradecer a Deus, por esta iniciativa em reproduzir esta mensagem de alerta ao povo de Deus.

Segue meu comentário ao blog do autor:

UAU! Inacreditável, mas, consegui digerir esta matéria.

Esta sua matéria, foi o contraste da Verdade com a Mentira!

VERDADE na sua orientação, e GRANDE MENTIRA, nesta profecia.

Posso, com experiência diante de Deus, afirmar que, esta profecia, não passa de uma GRANDE MENTIRA.

Este, é mais um enganador no meio do povo! Não tenho dúvida nenhuma, e o pior:

Enganará a muitos incautos e materialistas. A decepção será GRANDE.

Muito GRANDE, e como sempre a culpa, não será dos enganados em suas próprias concupisciências.

A culpa será de Deus, por permitir esta atrocidade? Claro que não! Esta atrocidade foi convidada pela falta de conhecimento dos incautos. Não querem saber sobre Deus, querem sim, ouvir as mentiras que agradem aos ouvidos e massageie os seus corações.

O Senhor, está e estará, sempre avisando através dos seus Atalaias: Cuidado com os lobos no meio de vós! Portanto, vigiai e orai.

O Senhor seja com cada um de vocês, no desejo de proporcionar sempre o melhor de Deus neste blog,

pr. Newton Carpintero
www.pastornewton.com

Danilo Fernandes disse...

Irmão Ednaldo,

A coisa está mesmo feia. Esta semana foi a TV um pastor falar a favor dos gays não arrependidos na igreja. Neste dia o maligno bateu palmas! Eu publiquei um artigo a este respeito no meu blog.

Queria aproveitar a oportunidade para lhe apresentar o meu blog, o Genizah e recomendar uma visita. Por minha vez, já me tornei seu seguidor.

Graça e Paz!

Danilo


http://genizah-virtual.blogspot.com/

Carlos Rogerio disse...

Graça e Paz!

Encontrei seu blog digamos "por acaso", e li este comentário.
Realmente nos dias de hoje as coisas estão complicadas.
Existem muitas "ervas-daninhas" sendo dada como alimento para o povo, e o povo por sua vez, estão sendo formados erradamente.
Infelizmente a preocupação financeira/material tem tomado conta de algumas igrejas, onde visam as pessoas como forma de aumentar a sua renda, não visando o cuidar de vidas - o que creio que seja a motivação principal para o pastorado.
Fiz parte de uma dessas igrejas "apostólicas" e infelizmente era nítido a preocupação com finanças e vidas eram colocadas em segundo plano.
Creio que este seja o tempo de nós cristãos anunciarmos as boas novas do Cordeiro de uma forma simples e objetiva, onde o tema principal seja a SALVAÇÃO em Cristo Jesus.
Acredito que os púlpitos das igrejas tem de ser usados para o ensino da palavra e não para palestras de "como ser bem sucessido financeiramente e profissionalmente", pois o que adianta o homem ganhar o mundo e perder a sua alma?
Graça e paz a todos!

Apologeta disse...

Paz do Senhor a todos! Eu nunca mais tinha lido essa matéria e agora constato que a situação, infelizmente não mudou, só piorou. Mike Murdock mencionado em suas iniciais pelo articulista, continua com sua vida principesca sendo que agora apoiado por Silas Malafaia. E o pior: a "platéia" continua sendo formada de "crentes" que dão ibope a esses falsos profetas.

Quanto ao artigo, é mais uma terrível e clara demonstração das falsa profecias desses falsos líderes e pseudopastores que se aproveitam dos que querem "comichão nos ouvidos". Mas isso precisa nos impelir a pregar, não a desanimar.

Que Deus continue abençoando o pastor Sanches, como esplêndido defensor da fé evangélica que é, por essa belíssima pérola apologética, que, apesar do tempo, continua a ser edificante para vidas como a minha!

Apologeta

Related Posts with Thumbnails